quinta-feira, 24 de janeiro de 2008

Eu ando a tentar... juro que ando!

Eu tento não passar uma imagem de desânimo para os meninos, tento que eles não "paguem" por este mau momento por que estou a passar, mas às vezes é muito dificil.
E hoje foi impossível.
Depois do Salvador ter entornado o iogurte liquido em cima da minha cama, dei-lhe uma palmada (não sei se aquilo foi bem uma palmada, mas enfim...), chorou, chorou e chorou.

Ao fim de 15 minutos disse-me:
« Há bocadinho estava triste contigo, mas agora já não estou!»

E eu pensei:
Há pouco descarreguei em ti.
E agora, com o que me acabaste de dizer, fiquei (ainda) mais triste!

Vou continuar a tentar.....

2 comentários:

MC disse...

Eu tive uma fase assim. O meu segredo era, antes de fazer ou dizer qualquer coisa que sabia ir ser empolada, respirava fundo, contava até 30 de olhos fechados e respirando fundo, por vezes ia à varanda e fumava um cigarrito, e depois voltava. Por norma, numa situação dessas, acabava por derramar eu própria o resto do iogurte e acabávamos a rir os dois!
São situações difíceis. A vida por vezes testa-nos e coloca-nos à prova...

Eu disse...

Acontece a todos! Dias não há muitos, perdas de paciência também. Força!